Sobre as estatísticas


Nota incialmente publicada no meu Facebook

Uma coisa que não está sendo falada é que os gastos com segurança pública (iluminação, guarda universitária [ainda que patrimonial], etc…) na USP foram diminuídos no começo deste ano. Isso levou ao aumento da violência no primeiro semestre, que culminou na morte do aluno da FEA. No entanto, o que comparam são os números deste cenário, em que os gastos estavam cortados, com os atuais, com a PM no campus. É ridículo fazer uma comparação dessas. Essa comparação dá estatística e pinta a reitoria e a PM como salvadoras da pátria. É uma mentira deslavada! É manipulação de dados ao bel prazer, para se produzir um resultado favorável.

Autor: Paulo Fávari

Paulo Fávari é mestrando em Artes Cênicas pela Escola de Comunicações e Artes da USP com o tema O trabalho experimental de Chico de Assis nos anos 1960: direção, dramaturgia e pedagogia, sob orientação do professor Sérgio de Carvalho. É também pesquisador do Laboratório de Investigação em Teatro e Sociedade (LITS). Graduado em Jornalismo pela Escola de Comunicações e Artes da USP.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s